bernardcornwell

Bernard Cornwell nasceu no dia 23/02/1944 (durante a Segunda Guerra Mundial) em Londres. Cornwell foi deixado em um orfanato assim que nascera, em seguida foi adotado. Seu pai (biológico) era aviador canadaense e sua mãe trabalha na Força Aérea Britânica. A família que o adotou pertencia a uma seita religiosa (aquelas fanáticas que preferem se curar com a fé do que tomar remédio), sendo assim, a diversão de Cornwell quando criança era ler a biblia. Logo ele se rebelou, inseriu o sobrenome Cornwell da mãe dele em seu nome e foi estudar na Universidade de Londres.

Cornwell foi professor por um período e em seguida foi trabalhar na rede de televisão BBC, onde permaneceu dez anos. Neste período, conheceu Judy (sua atual esposa), que estava visitando a Irlanda naquele momento. Ele se apaixonou por Judy, porém ela, por questões familiares não poderia se mudar dos EUA, então Cornwell se mudou. Nos EUA, recusaram seu “green card” (visto permanente de imigração concedido pelas autoridades daquele país). Foi nesse momento que Cornwell dedica sua vida para ser escritor, porque não necessitava da permissão do governo para escrever.

Para o autor, não houve muitas recusas para aceitação de seu livro, ele conheceu um agente literário britânido em festa e comentou que havia escrito um livro, o agente afirmou que gostaria de ver e apenas uma semana depois já tinha feito um contrato para seis livros (da série Sharpe). Aquele agente é ainda o atual dele.

Obras do autor (em série): Crônicas de Artur, Busca do Graal, Crônicas Saxônicas, Aventuras de Sharpe (24 livros até agora), Crônicas de Starbuck, e mais alguns livros avulsos. Cr

Anúncios