Charles Perrault nasceu no dia 12 de janeiro de 1628, em Paris e faleceu no dia 16 de maio de 1703, também em Paris. Perrault foi um escritor e poeta francês do século XVII, foi considerado o Pai da Literatura Infantil, pois foi ele quem estabeleceu bases para um novo gênero literário “o conto de fadas”. As mais famosas histórias de Perrault ainda fazem parte dos dias atuais,  para muitas delas foram feitas versões em óperas, balés, peças teatrais, musicais e filmes.

Charles frequentou as melhores escolas e estudou direito antes de embarcar em uma carreira no serviço público. Ele participou da criação da Academia de Ciências, bem como a restauração da Academia de Pintura. Quando a Academia de Inscrições e Belas-Letras foi fundada em 1663, Perrault foi nomeado como secretário e serviu sob Jean Baptiste Colbert, ministro das Finanças para King Louis XIV. Ele se casou com Marie Guichon em 1672, ela morreu 6 anos mais tarde após dar à luz uma filha. O casal teve três filhos. Ele foi um participante importante na Querela dos Antigos e dos Modernos, que opôs defensores da literatura da Antiguidade contra os apoiantes da literatura do século de Louis XIV.

Em 1695, quando tinha 67 anos, ele perdeu seu cargo de secretário e decidiu se dedicar a seus filhos e aos contos e histórias do passado com moralidade os quais se tornaram conhecidos por “Contos da mamãe gansa”. Foram esses os contos que deram o início ao “conto de fadas”.  Confira abaixo os contos que fizeram parte:

  • Chapeuzinho Vermelho
  • A Bela Adormecida
  • O Pequeno Polegar
  • Cinderela
  • Barba Azul
  • O Gato de Botas
  • As Fadas
  • Henrique, o Topetudo
  • Pele de Asno
  • Os Desejos Ridículos
  • Grisélidis

Para acessar e ler os contos, clique aqui.

Anúncios